Prefeitura atua na reabertura do Odeon e Leblon

O Grupo Estação e o Grupo Severiano vão se reunir esta semana para apresentar um plano para recuperar o Odeon,que desde o início de junho se encontra fechado. A proposta será entregue à Prefeitura do Rio de Janeiro, que se reuniu com as duas empresas para discutir o rumo desse cinema e do Cine Leblon, dois empreendimentos do GSR que enfrentam problemas financeiros.

No dia 8 de julho, o jornal O Globo, publicou uma reportagem revelando que o Leblon será destombado e reabrirá no próximo dia 17. Depois de anulado o tombamento de 2001, o imóvel deve passar por obras e ganhar ampliação, com a construção de um prédio de cinco andares. “Sobre o cinema, funcionariam uma livraria e um restaurante. O cinema também terá que ser modernizado. Em lugar das duas salas de projeção, passaremos a ter três, todas com projeção em 3D”, disse ao jornal o assessor do grupo, Vicente Pieroth. Participaram da reunião o sócio do Estação Marcelo Mendes, o presidente do GSR/Kinoplex, Luiz Severiano Ribeiro, os produtores Luiz Carlos e Lucy Barreto, o diretor da Downtown Filmes, Bruno Wainer, o cineasta Carlos Diegues, Vilma Lustosa, diretora do Festival do Rio, e Roberto Farias, presidente da Academia Brasileira de Cinema.

Quanto ao Odeon, segundo Marcelo Mendes, sócio do Estação, ainda não se sabe qual será a participação municipal no processo de recuperação. “Muito provavelmente, o Odeon será uma parceria nossa com o GSR”, disse ele ao Filme B(site especializado em cinema).